O nome deste percurso deve-se à “Escola de Frades" que existiu outrora na Serra de Santo António, mas é a riqueza geológica, cultural e paisagística ao longo dos quase 11km de extensão que fazem valer a caminhada de quase 4 horas.
O percurso tem início junto ao Bajouco, uma depressão natural na rocha criada pela acumulação das águas das chuvas, num trilho acompanhado por muros de pedra, marouços, olivais e pastos até desaguar na estrada principal. Aqui podem observar-se várias estruturas de apoio à atividade agrícola como eiras, pias de bagaço e as alpendroadas, estruturas construídas para guardar os carros de bois e os utensílios agrícolas. Daqui inicia-se uma subida em direção ao Casal. Pelo caminho é possível ver algumas das mais antigas casas da serra e o rasto deixado pelos carros de bois que por aqui passaram durante muitos anos carregados de pedra das pedreiras da região. Já no Casal pode-se observar uma dolina, depressão rochosa e, mais acima, vários poços.
Alcançado o ponto mais elevado da serra pode contemplar-se o Polje de Minde – Mar de Minde, uma área húmida com classificação Ramsar, o planalto de São Mamede e a Serra D’Aire. Daqui inicia-se o caminho para sul, descendo por trilhos entre muros, onde se pode observar a vasta obra que o homem foi construindo por aqui ao longo dos anos.
Nota: Sensivelmente a meio do percurso existe uma variante – PR5.1 –, com uma extensão de 700 metros, aproximadamente, que permite voltar ao ponto de partida. Este percurso tem ainda ligações à PR6 ACN – Rota dos Arrifes e à PR10 ACN – Rota de Minde. Ambas ligações começam no parque de merendas existente a 8,4km do início do percurso.

 

ROTA

Início e fim: Pia do Bajouco, Alcanena.

Coordenadas: 39.514055, -8.717194

Épocas aconselhadas: Todo o ano. 

 

DOCUMENTAÇÃO

Folheto informativo: aqui.

 

CONTACTOS ÚTEIS

CMA - Divisão de Cultura Turismo e Valorização do Património: 249 889 114

GNR (Alcanena): 249 882 385

Bombeiros Voluntários de Alcanena: 249 887 200

10,8Km Distância
Circular Tipo
3h45m Duração
353 Alt. Mínima
510 Alt. Máxima
Médio Dificuldade

 

NOTA Os caminhos dos percursos e a sinalética dos mesmos estão sujeitos ao desgaste provocado por vários fatores. Por prudência, a iNature recomenda o contacto com as entidades responsáveis pelos percursos para apurar o estado de conservação dos caminhos e da sinalética. Uma caminhada agradável começa na segurança da mesma.