A Estratégia de Eficiência Coletiva PROVERE iNature – Turismo Sustentável em Áreas Classificadas assenta na valorização e consolidação da marca associada ao foco temático do Turismo de Natureza nas áreas classificadas da Região Centro, visando nomeadamente operar sobre a capacidade de inovação deste recurso na diferenciação da oferta regional, na criação de postos de trabalho e reforço do empreendedorismo na região.

O selo iNature é uma marca qualificadora que representa uma vantagem competitiva do território, pela articulação entre agentes na dinamização da oferta temática, no reforço da capacidade de atração e na organização de ações transversais com reforçado potencial de sucesso.

 

 

Territorialmente, congrega os principais territórios de elevado potencial natural da Região Centro

  • Parque Natural da Serra da Estrela
  • Paisagem Protegida da Serra do Açor
  • Reserva Natural da Serra da Malcata
  • Paisagem Protegida Regional da Serra da Gardunha
  • Geoparque Naturtejo
  • Parque Natural Local Vouga-Caramulo
  • ZPE Sicó/Alvaiázere
  • Parque Natural da Serra D’Aire e Candeeiros
  • Mata do Bussaco
  • ZPE Vale do Côa e Reserva da Faia Brava
  • Serra da Lousã
  • Paisagem Protegida da Serra de Montejunto

 

A rede constituída por estas unidades territoriais define uma estratégia integrada de ações que visam capacitar o território regional para atividades de pedestrianismo, BTT, montanhismo e birdwatching, entre outras na dinamização do potencial intrínseco dos recursos endógenos deste território para a afirmação de uma oferta de excelência no domínio de Turismo de Natureza correspondente às tendências e motivações que definem o mercado de procura turística.

iNATURE, A MINHA NATUREZA

Um destiNo de Turismo de Natureza definido por uma rede de 12 territórios no iNterior da Região Centro de Portugal, onde a descoberta de montanhas, rios e aldeias, nos proporciona experiências iNesquecíveis.

Uma região onde se concentra a maior densidade de património natural classificado do país, numa fronteira diversa entre Norte e Sul, entre Portugal e Espanha, na convergência entre paisagem atlântica e mediterrânea.

Uma rede que se aventura nas Grandes Rotas, nos percursos pedestres e de BTT, que se detém na observação de aves e de um património geológico único, com um calendário de animação que se prolonga pelas estações do ano e que se envolve com a identidade cultural e autêntica das suas gentes.

Um horizonte aberto onde a transumância dos pastores e dos rebanhos se cruza com a Arte na paisagem, num território diverso que resiste e recupera, na defesa do equilíbrio sustentável entre Homem e Natureza, da sua biodiversidade e das práticas ancestrais de preservação da paisagem e dos seus múltiplos usos.

Uma diversidade de ambientes naturais que propõe a pureza do ar e das águas minerais, os sabores intemporais da gastronomia tradicional e as práticas de uma ruralidade quotidiana que procura o equilíbrio do Homem com a Natureza.

Uma plataforma de cooperação, entre parceiros públicos e privados unidos numa raiz comum, disposta a contribuir para a definição de um modelo de gestão das áreas naturais classificadas, sustentável e participado, que valorize ambiental, social e economicamente estes territórios, construindo pontes que ligam o passado ao presente.

Um destiNo onde a inovação e a sustentabilidade seguem no mesmo trilho.

 

Ser iNature é…

01 | Preparar a viagem, recolhendo informação sobre o destino

02 | Viajar em meios de transporte amigos do ambiente

03 | Escolher estabelecimentos com consciência ecológica

04 | Respeitar o património e comunidade local

05 | Explorar o território a pé ou de bicicleta

06 | Preservar os habitats e a biodiversidade

07 | Seguir as indicações e regras de segurança ao longo dos percursos

08 | Comunicar qualquer dano contra a Natureza

09 | Reduzir a pegada ecológica de cada viagem

10 | Preferir refeições, recordações e produtos locais

11 | Registar os melhores momentos da viagem

12 | Partilhar a experiência e passar a palavra!